Ser Blogger – Carolina Afonso e Sandra Alvarez

Wook.pt - Ser Blogger

“Não conheço truques nem milagres para chegar à definição de blog de sucesso (seja lá o que isso for para cada um de nós). Conheço trabalho, dedicação, persistência, e resiliência para dias chatos (e pessoas chatas). E conheço de cor o ingrediente secreto que me inspira todos os dias na escrita: a paixão.”

(Sofia de Castro Fernandes, autora de
Às nove no meu blog
in Ser Blogger)

Este foi mais um daqueles livros que eu não tinha planeado ler, mas que encontrei por acaso na biblioteca e tinha mesmo mesmo de vir comigo. Digo já que não estou nada arrependida.

Imagem relacionada
Carolina Afonso

Escrito por Carolina Afonso (do blog Carolina Afonso) e Sandra Alvarez, ambas da área do marketing e com uma formação e carreiras invejáveis, este livro tem como objectivo ensinar como criar, comunicar e rentabilizar um blog.

É um livro de leitura fácil, compreensível até aos mais leigos na área, capaz de esclarecer as dúvidas quer aos iniciantes quer a quem já anda nisto há algum tempo (como eu)

Se há algo que eu posso com toda a certeza dizer sobre esta obra, é que gostava de a ter lido mais cedo. Muito mais cedo. No entanto, foi bastante útil mesmo lido agora que já tenho um blog.

Imagem relacionada
Sandra Alvarez

É um livro que está extremamente bem organizado, é óptimo para quem está a pensar em criar um blog. Ajuda os indecisos a tomarem a decisão de criar ou não um blog e orienta o leitor ao longo de todo o processo, justamente pela ordem que os desafios vão surgindo.

E é, também, um livro útil aos bloggers que já cá andam. Muito do que diz no livro eu já sabia, fui aprendendo a custo ao longo do tempo, com muita pesquisa de bastidores. Que jeito não me teria dado ler este livro há mais tempo! No entanto, também me ensinou muito, coisas que ainda não enfrentei e dúvidas que ainda não tinha esclarecido.

Um livro que é sem dúvida uma grande ajuda!

Muito recomendado!!

Comprar Ser Blogger

4 comments

  1. Olha, eu já ando neste “mundo” há alguns anos, com o Blog já lá vão quase 12 anos, mas antes participava de forma entusiasta num site de nome Livra.pt que posso considerar o precursor dos blogues, pois ali havia uma comunidade que opinava sobre tudo e, mais interessante, uma comunidade muito unida, posso mesmo dizer que ali fiz amigos para a vida mesmo sem nunca ter estado fisicamente com essas pessoas.
    Depois aquilo terminou e o “bichinho” das opiniões ficou. Eu e uns tantos dessa comunidade criámos então blogues numa altura em que estava a surgir esse conceito.
    Aos poucos começaram a surgir “montanhas” de blogues cuja qualidade já era muito fraca e, mais grave, cuja intenção era apenas sacar livros às editoras assentes em parcerias. Isso, mais ou menos, a partir de 2012. Daí para cá, o “mundo” blogueiro transformou-se muito e, na minha opinião, perdeu o que realmente lhe dava interesse, que era a colaboração e empatia entre os blogues. Hoje em dia, há uma enorme desprezo entre aqueles que possuem blogues, escrevem apenas para si, julgando-se grandes estrelas por terem mais de 500 visualizações/dia, ignorando as mais valias que a cooperação pode trazer.
    Outro tema grave são opiniões sobre livros, e falando apenas de literatura, que não leem. Como sei disso? Porque me deparo com opiniões sobre livros que efectivamente já li e constato serem apenas uma reconstrução da sinopse, ou seja, “pegam” na sinopse e acrescentam algumas considerações banais e já está. É uma atitude desonesta para com os leitores e que só se compreende pela ansia de prestarem o serviço à editora que lhes oferecem os livros.
    Bom, mas tudo isto para dizer que este tipo de livros sobre o mundo dos blogues a subjectividade é enorme. Aceito que o trabalho, dedicação, persistência, e resiliência sejam importantes, mas de resto é como referes: “Não conheço truques nem milagres para chegar à definição de blog de sucesso (seja lá o que isso for para cada um de nós).”
    Ou seja, por muito que se escreva, não há qualquer truque especial. Há acima de tudo sorte em cair no goto, até porque se deres uma vista de olhos pelos blogues mais “importantes” da nossa praça, aqueles blogues que permitem aos seus donos viverem disso, verás que a maioria são blogues que pouco dizem, sendo sim blogues que postam várias vezes ao dia e é talvez isso que os evidencia.

    Liked by 1 person

    • Olá!

      Eu dou-te razão. Há de facto muitos blogs que tem uma fama incrível, centenas de visualizações e quando vamos a ver estão basicamente ali a “encher chouriço”.
      No entanto, não me permito perder a esperança neste mundo blogger e neste pedacinho do mundo literário. Há muitos blogs que não valem nada, mas há também alguns francamente bons.

      Quanto ao livro, eu gostei dele sobretudo pelas questões técnicas. Ele salienta a importância da paixão, de facto, que é uma coisa que eu realmente sinto por este “mundo literário”, pelo meu trabalho e pelos blogs. Mas é praticamente todo a esclarecer questões técnicas e dá mesmo para aprender algumas coisas. Para mim foi útil. Não se trata de truques, mas de aprendizagem técnica.

      Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s