A estrada menos viajada – Bernardo Pinto de Almeida [Poema da Semana]

Não temas
seguir a estrada
menos viajada, a
que te conduz
por caminhos
ínvios. Ouve o
nascer da língua
que te fala,
desde sempre
escuta o seu
rumor
nascente. Olha
de frente, sereno,
os vagabundos,
compadece-te,
mas não queiras
jamais mudar
o mundo. Deixa
apenas que
seja como
é, a-
pesar de
ti. Vê
essa distância
que te a-
cena.

Vai

Bernardo Pinto de Almeida
in A Estrada Menos Viajada

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s