Noite -Elie Wiesel

Wook.pt - NoiteLivro Físico
Ebook

“Porquê? Mas porque é que eu O abençoaria? Todas as fibras do meu ser se revoltavam. Porque é que Ele tinha permitido que fossem queimadas milhares de crianças nas valas? Porque é que Ele fazia funcionar seis crematórios noite e dia, no sabat e nos dias de festa? Por, no Seu grande poder, ter criado Auschwitz, Birkenau, Buna, e tantas outras fábricas da morte? Como é que eu Lhe poderia dizer: «Bendito sejas Tu, Eterno, Senhor do Universo, que nos elegeste por entre os povos para sermos torturados noite e dia, para vermos os nossos pais, as nossas mães, os nossos irmãos acabarem no crematório? Louvado seja o Teu Santo Nome, Tu que nos escolheste para sermos degolados no Teu altar?»”

“Nunca esquecerei aquela noite, a primeira noite no campo, que fez da minha vida uma noite longa e sete vezes aferrolhada.  Nunca esquecerei aquele fumo. Nunca esquecerei os pequeninos rostos das crianças cujos corpos eu vi transformarem-se em espirais sob um céu mudo. Nunca esquecerei aquelas chamas que consumiram para sempre a minha Fé. Nunca esquecerei aquele silêncio nocturno que me privou, para a eternidade, do desejo de viver. Nunca esquecerei aqueles momentos que assassinaram o meu Deus e a minha alma, e que transformaram os meus sonhos em cinzas. Nunca esquecerei, mesmo que tenha sido condenado a viver tanto tempo quanto o próprio Deus.
Nunca.”

Elias “Elie” Wiesel nasceu em Sighetu Marmaţiei na Roménia a 30 de Setembro de 1928 e faleceu em Manhattan a 2 de Julho de 2016. Foi um escritor judeu, sobrevivente dos campos de concentração nazis, que recebeu o Nobel da Paz de 1986 pelo conjunto de sua obra literária, dedicada a resgatar a memória do holocausto e a defender outros grupos vítimas das perseguições.

Elie era ainda um adolescente quando a sua família foi enviada para os terríveis campos de concentração da segunda grande guerra. Este é o relato dele, desde os tempos antes da guerra e da forte fé que ele alimentava na altura, à partida da família e a sua consequente separação na selecção do campo e, mais tarde, ao desaparecimento da sua fé devido a todas as crueldades a que assistiu e à perda da sua família.

Dizem que este é um dos relatos mais comoventes sobre esta época. Eu acredito. É, pelo menos, um dos mais comoventes que eu já li. A perda da inocência de Wiesel, o duro choque com a realidade, a mudança de uma vida perfeitamente comum para uma vida extremamente trágica é apenas o primeiro choque com que o leitor se depara. Depois, as crueldades vistas pelos olhos de Wiesel, indescritíveis e ainda assim tão bem descritas nesta obra. O desaparecimento de uma fé que parecia tão forte nele, ao leitor parece perfeitamente aceitável, e é. E quando pensamos que as coisas vão começar a correr bem, chega um novo choque, e mais outro…

É um livro curto mas que diz imenso em muito poucas páginas. Poucos livros conseguem isso. É um livro que nos dá um nó no estômago, na consciência, na alma. Um livro que nos conta coisas abomináveis que aconteceram como se fossem perfeitamente normais.

É uma obra muito bem escrita, mas difícil de ler. Dura, cruel, realista. Forte. Sem dúvida um dos melhores livros que já vi sobre o tema.

Livro recomendado!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s