10 Livros sobre a II Guerra Mundial que não pode perder

Se Isto é um Homem – Primo Levi

Resultado de imagem para se isto é um homem

Em Se Isto é o Homem conhecemos o testemunho de Primo Levi, um químico italiano, que foi prisioneiro no campo de concentração de Auschwitz. Vemos o dia a dia no campo, de uma forma real, sem falsos moralismos ou meias verdades.Este é um livro diferente. Não é um romance histórico escrito por alguém que nunca viveu aquela realidade. É um testemunho de quem sentiu a fome e o frio que os prisioneiros sentiam, de quem viveu entre o arame farpado do campo e levou pancada dos guardas. Um livro duro, difícil de ler, sem meias verdades nem falsos moralismos. E um dos melhores sobre este tema que conheço. Falamos dele aqui.

 

Os Loucos da Rua Mazur – João Pinto Coelho

Resultado de imagem para os loucos da rua

Neste livro João Pinto Coelho conta-nos a história de Erik, o cristão, Yankel, o judeu cego de nascença e Shionka, a filha da bruxa. A história passa-se em plena II Guerra Mundial, no Nordeste da Polónia, mas a guerra é uma coisa que ao fim e ao cabo não está muito presente. No entanto a obra vale a pena, por ver a história sob um diferente ponto de vista, pelas boas palavras, pela diferença que marca em tantos livros iguais. Recomendado! Falamos dele aqui.

 

O Tatuador de Auschwitz – Heather Morris

Em O Tatuador de Auschwitz conhecemos a história verídica de Lale  Sokoloc e Gita. Lale, prisioneiro do campo de concentração, que se torna o tatuador do campo e passa a escrever o fatídico número de identificação em cada prisioneiro. É aí que conhece Gita, uma prisioneira como ele, e se apaixona.
Amor à primeira vista ou não, o certo é que um romance num campo de concentração não é uma coisa fácil. Conquistar alguém, conhecer alguém, torna-se uma tarefa hercúlea. Ainda mais se tivermos em conta o medo de não se estar vivo no dia seguinte. Falamos dele aqui.

 

O Homem em Busca de um Sentido – Viktor E. Frankl

Viktor E. Frankl era ainda um jovem psicoterapeuta quando foi obrigado a entrar no comboio que o levaria para o temido campo de concentração. Mas o que podia ter sido o fim da vida de Viktor foi, na verdade, um aprendizado. Nos dias mais negros da sua vida Viktor conseguiu ver a esperança nas pequenas coisas, encontrar o humor nos piores momentos, aceitar e respeitar o sofrimento. Não se revoltou e, ao não se revoltar, sobreviveu. Perdeu tudo o que mais amava mas conseguiu seguir em frente, com uma nova compreensão da raça humana, do seu sofrimento e das suas motivações. Nesta obra Viktor vem contar-nos a sua experiência e de que forma isso o moldou. Já falamos desta obra aqui.

Mengele – Gerald L. Posner e John Ware

Imagem relacionada

Há muitas coisas arrepiantes no que à II Grande Guerra Mundial diz respeito. Mas se há alguém verdadeiramente arrepiante, tanto ou mais até que Hitler, esse alguém foi Mengele, o Anjo da Morte dos Campos de Concentração. Médico de profissão Mengele costumava usar os prisioneiros vivos nas suas experiências, e tinha uma especial “afeição” a gémeos. Infectava propositadamente os seus pacientes com diversas doenças, de forma a estudar a doença; tentava mudar-lhes a cor dos olhos injectando tinta; matava lentamente um gémeo para ver como o irmão reairia; e muitas, muitas outras coisas. Esta não é uma obra de literatura, mas sim uma biografia, composta por factos reais e não aconselhável a leitores impressionáveis. Mas é uma obra que nos dá uma grande noção sobre a crueldade humana.

 

KL: A História dos Campos de Concentração Nazis – Nikolaus Wachsmann

Wook.pt - KL - A História dos Campos de Concentração Nazis

Há muitos livros de história sobre a história da II Grande Guerra Mundial e os seus campos de concentração. No entanto este é de longe o mais completo que conheço, o que o torna numa obra de referência. Com quase 900 páginas, KL traz-nos um relato sem precedentes dos campos de concentração nazis, desde a sua concepção em 1933 até ao seu encerramento, na primavera de 1945. Detalhado, pormenorizado e uma excelente obra para quem quer conhecer o lado histórico do maior crime jamais cometido.

 

Toda a Luz que Não Podemos Ver – Anthony Doerr

Wook.pt - Toda a Luz que Não Podemos Ver

Marie-Laure é uma jovem cega que vive com o pai, o encarregado das chaves do Museu Nacional de História Natural em Paris. Quando as tropas de Hitler ocupam a França, pai e filha refugiam-se na cidade fortificada de Saint-Malo, levando com eles uma joia valiosíssima do museu, que carrega uma maldição. Werner Pfenning é um órfão alemão com um fascínio por rádios, talento que não passou despercebido à temida escola militar da Juventude Hitleriana. Seguindo o exército alemão por uma Europa em guerra, Werner chega a Saint-Malo na véspera do Dia D, onde, inevitavelmente, o seu destino se cruza com o de Marie-Laure, numa comovente combinação de amizade, inocência e humanidade num tempo de ódio e de trevas.

 

Perguntem a Sara Gross – João Pinto Coelho

Wook.pt - Perguntem a Sarah Gross

Em 1968, Kimberly Parker, uma jovem professora de Literatura, atravessa os Estados Unidos para ir ensinar no colégio mais elitista da Nova Inglaterra, dirigido por uma mulher carismática e misteriosa chamada Sarah Gross. Foge de um segredo terrível e procura em St. Oswald’s a paz possível com a companhia da exuberante Miranda, o encanto e a sensibilidade de Clement e sobretudo a cumplicidade de Sarah. Mas a verdade persegue Kimberly até ali e, no dia em que toma a decisão que a poderia salvar, uma tragédia abala inesperadamente a instituição centenária, abrindo as portas a um passado avassalador. Nos corredores da universidade ou no apertado gueto de Cracóvia; à sombra dos choupos de Birkenau ou pelas ruas de Auschwitz quando ainda era uma cidade feliz, Kimberly mergulha numa história brutal de dor e sobrevivência para a qual ninguém a preparou. Rigoroso, imaginativo e profundamente cinematográfico, com diálogos magistrais e personagens inesquecíveis, Perguntem a Sarah Gross é um romance trepidante que nos dá a conhecer a cidade que se tornou o mais famoso campo de extermínio da História. A obra foi finalista do prémio LeYa em 2014.

 

A Bailarina de Auschwitz – Edith Eger

Wook.pt - A Bailarina de Auschwitz

Edith Eger tinha 16 anos quando foi enviada para Auschwitz. Naquele campo de concentração suportou experiências inimagináveis, incluindo ser forçada a dançar para o infame Joseph Mengele. Durante os meses seguintes, a resiliência da jovem ajudou muitos a sobreviver. Quando o campo foi finalmente libertado pelas tropas americanas, Edith foi retirada de uma pilha de corpos moribundos. Em A Bailarina de Auschwitz, Edith Eger partilha a sua experiência do Holocausto e as histórias extraordinárias das pessoas que ajudou desde essa altura. Actualmente, ela é uma psicóloga reconhecida internacionalmente e os seus pacientes incluem mulheres vítimas de abusos e soldados com síndrome de stress pós-traumático. Edith Eger explica como a mente de muitos de nós se tornou numa prisão e mostra como a liberdade é possível quando nos confrontamos com o nosso sofrimento.

 

Hitler: Uma Biografia – Ian Kershaw

Wook.pt - Hitler - Uma Biografia

Não podíamos terminar esta lista sem ter uma biografia de Hitler, o homem que convenceu milhões de pessoas com as suas ideias. Esta obra, Hitler, é a aterradora e fascinante narrativa da ascensão de um provinciano rebelde, originário de um canto obscuro da Áustria, a líder de massas com um poder sem paralelo; de como umas ideias mal estruturadas e vis saídas da cabeça de um instável antigo estudante de arte se aglutinaram numa ideologia que durante doze anos ditou o destino de milhões de pessoas; e de como, na sua determinação em impor militarmente a sua vontade e em se esquivar aos seus muitos inimigos, Adolf Hitler iniciou um Armagedão genocida. Nenhum indivíduo pode ser o bode expiatório das vastas forças sociais, tecnológicas, económicas e militares que mudam as nossas sociedades – mas se alguma vez existiu um único indivíduo cujas ideias e personalidade moldaram essas forças e as encarnou, essa pessoa foi Hitler. Esta é a sua história, e Kershaw conta-a de uma forma brilhante.

One comment

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s