Metamorfose à Beira do Céu – Mathias Malzieu

Resultado de imagem para mathias malzieu metamorfose

“Sinto-me lava sobre o gelo, floco de neve sobre o fogo. Sou destroçada pelo desejo de rebobinar o tempo, para reviver o que acabámos de viver as vezes que forem necessárias para te conseguir salvar e conservar, mas a cerimónia que desejavas está a decorrer e ainda não terminou.”

“Aprender a morrer na primavera tem vantagens e inconvenientes. […] Curiosamente, com a Ceifeira e o seu carrossel de sombras a aproximarem-se, vemos melhor a vida.”

“Os familiares e amigos próximos trazem flores, um sorriso cosido no rosto; arranjam forma de as lágrimas escorrerem do lado de dentro das órbitas. Batas brancas de gestos mecânicos assombram o espaço. Bem-vindo ao serviço de Oncologia. […] Hoje, daria tudo e mais alguma coisa para descolar, mesmo que partisse uma perna ou duas. E.T., compreendo perfeitamente porque é que fugiste de bicicleta pelo céu fora. No teu lugar teria continuado a pedalar até Plutão, sem olhar para trás.”

 

Resultado de imagem para mathias malzieu
Mathias Malzieu

Mathias Malzieu nasceu em Montpellier, na França, em Abril de 1974. É vocalista da banda Dionysos, uma das mais conhecidas bandas de rock francesas. É também escritor, sendo a sua obra mais conhecida A Mecânica do Coração, publicada pela primeira vez em 2007, que se tornou bestseller na França e deu origem a um filme em 2013.

Em Metamorfose à Beira do Céu conhecemos a história de Tom “Hematoma” Cloudman, o pior duplo do mundo, cujo maior sonho é voar. Tom anda de terra em terra a fazer os seus espectáculos, dando queda atrás de queda, até que um dia acorda no hospital, onde descobre que tem cancro. É lá que conhece uma misteriosa mulher, metade humana metade pássaro, que lhe propõe o pacto da sua vida.

Metamorfose à Beira do Céu quase podia ser uma fábula moderna, se não escondesse uma realidade tão dura e cruel por trás da sua fantasia. Tom transforma-se aos poucos num pássaro e parte para o céu, e isso nem é spoiler porque percebemos desde o inicio da sua doença que vai acontecer. É inevitável, doloroso e ainda assim belissimo.

É uma obra extremamente dura mas ainda assim maravilhosa. Consegue deixar-nos de lágrima ao canto do olho. As personagens são apaixonantes, a trama é rápida, as metáforas inebriantes. É um livro que diz muito, que diz tudo, em muito poucas páginas.

Um livro muito, muito recomendado!

Metamorfose à Beira do Céu

 

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s