Leituras à Volta do Mundo: Japão

Hoje começamos uma nova rubrica aqui no blog, as Leituras à Volta do Mundo. Porque muitas vezes temos vontade de ler algo “fora da caixa” mas não sabemos o quê, e porque a maioria dos autores que lemos fazem parte de 2 ou 3 nacionalidades (coisas do mercado), hoje vamos falar de… autores japoneses! Preparados?

 

Haruki Murakami

Resultado de imagem para haruki murakami

O nosso primeiro escritor japonês tinha de ser, claro, Haruki Murakami. É provavelmente o mais reconhecido no momento. Nasceu em Quioto a 12 de Janeiro de 1949 e tem actualmente 69 anos. A sua obra já foi traduzida para mais de 50 idiomas.
Dele temos em português, entre outras, as obras:

  •  Kafka à Beira-Mar, que conta as histórias de Kafka Tamura, que foge de casa aos 15 anos,  Nakata, um homem idoso que nunca se recuperou de um acidente que sofreu muito tempo atrás. Nesta obra s gatos conversam com pessoas, do céu cai peixe, um chulo faz-se acompanhar de uma prostituta que cita Hegel e uma floresta abriga soldados que não sabem o que é envelhecer desde os dias da Segunda Guerra Mundial.
  • A Morte do Comendador, um livro sobre a solidão e o amor. Aqui o personagem principal, sem nome, vê-se abandonado em Tóquio pela mulher e acaba por ir viver para uma misterioa casa na montanha onde encontra um quadro abandonado no sotão, o que dá origem a uma sucessão de acontecimentos…
  • Em Homens Sem Mulheres encontramos uma compilação de sete contos, de que fazem parte Beatles, Hemingway, François Truffaut, Woody Allen, Tchékhov, um rapaz chamado Gregor Samsa. Um livro de amor, solidão, mágoa, luto e melancolia.
  • A Rapariga que Inventou um Sonho é mais um livro de contos, desta vez 24. É mais um livro tocado pela melancolia, em que há corvos animados, macacos criminosos, um homem de gelo e muitas outras coisas…
  • Em Norwegian Wood Toru e Naoko são dois jovens marcados por uma tragédia em comum, que acaba por os unir de uma estranha e frágil maneira. Este livro vendeu só no Japão, mais de 4 milhões de cópias e está a caminho das setenta edições, sendo um dos maiores sucessos do autor no seu país de origem.
  • Ouve a Canção do Vento e Fliper são duas novelas do autor, compiladas num único livro. Em tom de fábula estes dois textos roçam o surreal e a ficção cientifica e abordam o quotidiano de dois jovens (o narrador cujo nome nunca chegamos a conhecer e o seu amigo Rato). Textos de solidão, obsessão e erotismo.

Conhecer as Obras de Haruki Murakami

 

Yasunari Kawabata

O primeiro autor japonês a ganhar o prémio nobel da literatura (1968) nasceu em 1899 e, aquando da entrega do prémio fez questão de mostrar a sua indignação por ter sido ele o vencedor, em vez de Yukio Mishima. Os seus textos são conhecidos pela sua sensibilidade e por terem, misturada na prosa, um toque de poesia. Entre outras temos, em português, as suas obras:

  • A Casa das Belas Adormecidas é um livro perturbador em tom erótico. Nele jovens mulheres dormem, nuas, em camas sob o efeito de drogas, enquanto homens idosos as observam.
  • Terra de Neve é a história de um amor de perdição passado no meio da desolada beleza da costa oeste do Japão, uma das regiões mais nevosas do mundo. É aí, numas termas isoladas de montanha, que o sofisticado Shimamura conhece a geisha Komako, que se entrega a ele sem remorsos, sabendo de antemão que a sua paixão não pode perdurar.
  • Kyoto é uma história de amor impossível, considerado um dos mais belos livros do autor. 
  • Em A Beleza e a Tristeza aquilo que começa como uma reunião sentimental entre um Oki Toshio a envelhecer e Ueno Otoko, a artista reclusa, acaba por se transformar numa sinistra vingança erótica. Keiko, a jovem misteriosa e intensa que é amante e discípula de Otoko, está determinada a vingar a humilhação passada pela mulher mais velha – mesmo que isso signifique utilizar a própria beleza como arma. 

Mil Grous

  • Mil Grous é uma história de desejo, arrependimento, e da saudade quase sensual que liga os vivos aos mortos. Quando Kikuji é convidado para uma cerimónia do chá organizada por uma antiga amante do falecido pai, não está à espera de se ver envolvido com a rival e sucessora desta, a senhora Ota nem suspeita do sofrimento profundo que nascerá dessa relação. 

 

 

Conhecer as Obras de Yasunari Kawabata

 

Kenzaburo Oe

Kenzaburo Oe nasceu a 31 de Janeiro de 1935 e ganhou o prémio nobel da literatura em 1994. Disse-se dele que “com força poética cria um mundo imaginado, onde a vida e o mito se condensam para formar o desenho desconcertante das dificuldades do homem de hoje”. Dele temos em português:

  • As Regras do Tagame conta-nos a história de Goro, um prestigiado realizador que se suicida e do escritor Kogito, seu cunhado e amigo, que fica destroçado com a situação. Uma história sobre a amizade, a perda e a ambição artistica.
  • Em Não Matem o Bebé conhecemos Passarinho, que aos vinte e sete anos continua a sonhar com uma viagem pelo continente africano, preso num casamento e num trabalho estável. É então que nasce o seu primeiro filho, com metade do cérebro fora do crânio e muito poucas hipóteses de sobreviver…
  • Em Morte Pela Água o aclamado escritor Kogito Choko vê-se confrontado com uma história que parece ser incapaz de escrever. O livro deveria relatar a relação turbulenta que teve com o pai e a culpa que continua a sentir por não ter estado presente na noite em que, em dias de Segunda Guerra Mundial, o rio da aldeia extravasou das margens e o pai se afogou. Mas como escrever sobre um homem que na verdade nunca conheceu? 

 

Conhecer as Obras de Kenzaburo Oe

 

 

Kazuo Ishiguro

O mais recente escritor japonês a ganhar o nobel da literatura, Kazuo Ishiguro (2017), é conhecido por ter “romances de grande força emocional” em que “revelou o abismo sob nossa sensação ilusória de conexão com o mundo”. Da sua autoria podemos contar com:

  • O Gigante Enterrado, a história de Axl e Beatrice, um casal de idosos que um dia decide abandonar o abrigo em que vive para procurar o filho, que há muito não vêem e de quem pouco recordam. É então que partem para uma jornada longa e recheada de perigos…
  • Em Os Despojos do Dia Stevens, o mordomo perfeito, reflecte sobre o passado, num esforço de se convencer de que serviu a Humanidade servindo um “grande homem”, Lord Darlington. Mas as recordações suscitam-lhe dúvidas quanto à verdadeira «grandeza» de Lord Darlington e dúvidas ainda mais graves quanto à natureza e ao sentido da sua própria vida… 
  • Na obra Os Inconsolados, numa cidade não nomeada da Europa Central, Ryder, pianista de grande renome, prepara-se para dar o concerto mais importante da sua carreira. Contudo, vê-se sucessivamente desviado desse intento por uma série de episódios crípticos e irritantes que, apesar de tudo, parecem fornecer-lhe pistas sobre o seu passado. 
  • No livro Quando Éramos Órfãos Christopher Banks é o detective mais famoso do país e os seus casos são o tema das conversas da sociedade londrina. No entanto, um crime não solucionado nunca deixou de o atormentar: o desaparecimento misterioso dos pais, na Velha Xangai, quando ele era rapazinho. 

Conhecer as Obras de Kazuo Ishiguro

 

Haikus: Outra expressão da Literatura Japonesa


Para quem quer experimentar a ler algo de origem japonesa mas teme aventurar-se directamente num dos autores anteriores, uma boa forma de começar é experimentar alguns Haikus. Os Haikus são pequenos poemas de origem japonesa que consistem habitualmente em apenas 3 versos que apresentam, respectivamente 5, 7 e 5 sílabas métricas japonesas. Existem diversos livros de Haikus disponíveis e imensos destes pequenos poemas pela internet fora.

Alguns exemplos de Haikus:

Vou sair. 
Divirtam-se fazendo amor,
Moscas da minha cabana.
                         Issa Kobayashi

Imperfeito este mundo 
E contudo 
Recoberto de flores.
                             Issa Kobayashi

O coração viajante não se enraíza
Antes quer ser
Braseira ambulante
                             Matsuo Bashô

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s